Fantasia para oboé solo (ou violino)

Como em um monólogo pessoal, essa obra fantasia um discurso que contempla a multiplicidade de eventos da loucura cotidiana, moldando o tempo e suas relações de pulso.

Florianópolis, outono de 2010.

duração aproximada: 6 min

Duwe – Fantasia para oboé solo

Ela possui uma performance que aconteceu no VIII ENCUn – Encontro Nacional de Compositores Universitários, em 2010.

Entre em contato se tiver interesse de interpretar essa peça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s